Como embalar mudanças

 

Como embalar os objetos na hora da mudança.
Aff, só de pensar em mudança já me dá um arrepio na espinha. Porque né, mudar todo o conteúdo da sua casa pra outra… ai ai ai, caramba. E como a gente tem coisa… Enfim… Aliás, na hora da mudança é um bom momento pra você antes de empacotar considerar de fato se o que está colocando dentro das caixas é algo que vale a pena manter na nova casa. Se não for, aproveita, se desapega e nem leva. Doe.
Mas voltando ao papo de empacotar… se vai ter que passar por isso, algumas dicas de como embalar alguns objetos:
Computador de mesa – a caixa dele de origem vai ser sempre a melhor maneira de transportá-lo. Por isso que guardá-la é uma boa. Mas se não tiver a sua, pode ir atrás de uma caixa semelhante numa loja local.
Laptops – também podem transitar nas suas caixas de origem ou numa destas capas com acolchoado, de silicone que você usa pra levá-lo por aí. Mas aí, leve-o com você.
Itens frágeis como enfeites de cristal e porcelana – você pode envolvê-los com algodão (vale o mesmo pra joias) antes de embrulhá-los no papel-jornal. Depois os envolva em plástico-bolha. Coloque-os numa caixa resistente e calce-os bem em toda a volta pra que eles não saiam do lugar.
As louças – embrulhe-as e as envolva com plástico-bolha. Os pratos podem ficar um em cima do outro, mas coloque entre eles plástico-bolha cortados no formato dos pratos ou um pouco maiores que eles no formato que der.
E você pode comprar plástico-bolha em lojas de material de construção e ver se tem em papelarias bem abastadas tipo a Kalunga. E sabe né, que plástico-bolha é uma boa pra embalar basicamente tudo e de forma mais segura. Use sem moderação. Mesmo porque depois de desempacotar tudo na sua nova casa, ele vai poder servir de terapia básica pra relaxar… estourando todas as suas bolhinhas… hehehe

Ok! Anuncie